Postagens Recentes

6 de maio de 2016

Bate-papo com o autor | João Gabriel Brene, criador do fantástico mundo "Johnny Bleas"

Olá, pessoal.

Iremos iniciar hoje uma série de entrevistas com os autores parceiros aqui do blog. Estávamos com esse projeto em mente há um tempo e só agora conseguimos pôr em prática.

Para iniciar essa nova coluna, entrevistamos o João Gabriel Brene, que foi o primeiro autor parceiro do Tudo Online. O Brene é autor da trilogia Johnny Bleas e o primeiro volume, Johnny Bleas - Um Novo Mundo, já foi resenhado aqui no blog. O lançamento do segundo volume está previsto para esse ano.

Então, vamos começar nosso bate-papo com o autor?



Nos fale um pouco sobre você: quem é o João Gabriel Brene?

J. G. Brene: Desde cedo, sempre fui muito sonhador, a imaginação sempre rolou solta, e sempre procurei um meio de transparecer meu mundo criativo. Por isso, aos 7 anos de idade, fui atrás de um curso de pintura, encontrei na pintura a óleo uma ótima maneira de exercitar minha criatividade, aos 8 anos fiz minha primeira Vernissage. Os anos passaram e cada vez mais me dedicava a outros meios de expressão artística e criação, em 2007 descobri o mundo do 3D, o qual me dediquei por alguns anos, fazendo um curso na área de animação gráfica e posteriormente uma especialização em Los Angeles, CA.

Atualmente trabalho com produções digitais multimídias, uma área bastante ascendente e interessante. Mas ao final de cada dia de trabalho percebo que ainda posso, quero e devo fazer mais. É essa vontade de criar que me faz escrever. Nunca fui apaixonado por nenhuma área específica, o que realmente amo é criar, e na literatura pude encontrar um mundo sem limites, quando escrevo, sou apenas eu e mais uma aventura.

De onde vem a inspiração para escrever?

J. G. Brene: Não sei bem de onde veio a inspiração para Johnny Bleas, me parece que a ideia já existia, bastava acessá-la. Alguns dizem que precisamos de experiências de vida para escrever, outros dizem que a inspiração já existe em nós, cada autor tem um perfil diferente, no entanto para mim é sempre uma nova aventura, basta ouvir a história em meus pensamentos.

Ao começar um novo capítulo, nem sempre sei o que vou escrever, mas geralmente sei onde quero chegar, o mais interessante desta experiência é desvendar como será o caminho. Acredito que todas as experiências de vida que tenho são complementares e me ajudam a escrever, principalmente por me levarem a novos desafios e jornadas, mas é o conjunto de vivências, fatos e informações percebidas que transformam minha perspectiva e maneira de ver o universo.

Existe algum(a) escritor(a) que te inspira?

J. G. Brene: Sim, muito! Acho que cada um deles me mostrou uma maneira diferente de como elaborar um texto, como descrever uma cena e principalmente como me sentir ligado ao enredo e aos personagens. Dentre as maiores fontes inspiradoras posso citar, J.K. Rowling, Paulo Coelho, Dan Brown e J.R.R. Tolkien. Além dos escritores, admito que tiro muitas referências dos gênios do cinema, como Peter Jackson, Ronnie Del Carmen, Pete Doctor, Robert Stromberg, Jeniffer Lee e alguns outros.

Qual a melhor coisa de ser escritor? 

J. G. Brene: A melhor coisa de ser escritor com certeza é a infinita liberdade de criar. Ser capaz de ir muito além da imaginação, buscar nos mais longínquos horizontes as peças necessárias para a construção de nosso enrendo. Escrever é inundar o coração com uma imensa paixão de aventuras, magia e sonhos. Escrever será sempre a melhor ferramenta para quem busca desbravar os oceanos da criação ilimitada.

Na sua opinião, qual é o melhor gênero literário?

J. G. Brene: Com certeza aventura!!! Mas acima de tudo gosto de um enredo bem construído, a meu ver, os bons livros são aqueles capazes de fazê-lo emergir em um novo mundo, deixar toda a realidade de lado e fazer com que você não pense em mais nada além daquela boa história que está lendo. Fico muito animado quando um livro é capaz de me fazer emergir em uma nova realidade. Para mim, os autores que conseguem fazer isso são os verdadeiros artistas da literatura.

Qual foi o primeiro livro que você leu?

J. G. Brene: Não lembro!!! Eu era muito chato com leitura quando criança. Escolhia os livros pelo tamanho deles e pela quantidade de figuras!!! Lembro-me que na infância os livros que mais me marcaram foram “O Pequeno Príncipe” e logo depois a série de livros de Thomas Brezina, a Turma dos Tigres. Mas logo depois aprendi a AMAR a leitura com os livros Harry Potter, de J.K. Rowling.

Como foi a escolha da capa e do título do livro?

J. G. Brene: A capa foi um processo, sou designer de formação. Tenho um pouco de experiência com produção de imagem e direção de arte, o que ajudou bastante na concepção da capa. Quando a editora mandou os primeiros exemplos de capa foi um choque, já que eu imaginava algo original, sem o uso de banco de imagens. Mas no final fiquei bastante satisfeito com o resultado que alcançamos. A capa de fato é linda!

Como foi a criação dos personagens do seu livro? Você se inspirou em pessoas de seu convívio para criar cada personagem e cada nome?

J. G. Brene: Não sei de onde vem a minha inspiração, quando sento para escrever as coisas acontecem, tudo parece fazer sentido e conheço cada um dos personagens, sei sobre seus hábitos, costumes, cicatrizes, mágoas e aventuras. Depois que releio vejo que alguns parecem com pessoas de meu convívio, mas nem sempre encontro essa relação. Para não me confundir nem me perder as vezes escrevo uma pequena lista de características de cada um deles.

Recentemente, você lançou o blog "O mundo mágico de Asterium" para que seus leitores ficassem sabendo de várias curiosidades a respeito do fantástico mundo de Johnny Bleas. Como surgiu a ideia de criar esse projeto?

J. G. Brene: A ideia surgiu em uma conversa com a equipe da assessoria de imprensa, da AM3 Assessoria. Começamos a trabalhar no blog em dezembro de 2015 e finalmente conseguimos lançar em março deste ano. Foram 4 meses de bastante dedicação ao conteúdo. 

Nosso objetivo sempre foi trazer o leitor para mais perto do enredo e dos personagens de Asterium. Acreditamos que com o blog " O Mundo Mágico de Asterium" conseguimos isso, já que tivemos muitos feedbacks positivos.


Que mensagem você pretende passar com a trilogia Johnny Bleas?

J. G. Brene: Existem diversas mensagens incorporadas no livro. Contudo, acredito que existem algumas mensagens chave: Coragem- Agir com o coração, acreditando sempre na sua intuição. Unicidade - Somos todos parte de algo maior. Tudo faz parte do mesmo. Amor - Força maior incontestável, capaz de vencer todas as batalhas.

Até que ponto pretende chegar como escritor?

J. G. Brene: Minha missão não é apenas contar histórias, mas ser capaz de tocar o coração dos leitores com as minhas obras. Criar sentimentos, aventuras e enredos fascinantes. Ser capaz de fazer isso em grande escala, desta maneira então ultrapassar meus limites e um dia acordar e perceber que fui muito mais longe do que eu jamais poderia imaginar.

O que os seus leitores podem esperar de "Johnny Bleas - O Núcleo da Montanha", o segundo volume da sua trilogia ?

No segundo livro da trilogia, consegui trazer o que eu chamo de verdadeiras faces dos personagens a tona.
Eu realmente me surpreendi com o resultado do segundo livro. Não apenas está mais dinâmico como também, assim como o primeiro, é capaz de prender o leitor do inicio ao fim.
Tenho certeza de que Johnny Bleas, o núcleo da montanha assumirá um papel de importância na vida dos leitores.


Perguntas rápidas:

Um livro: A magia. Rhonda Byrne.
Um (a) autor (a): J. K. Rowling.
Um ator ou atriz: Will Smith / Angelina Jolie
Um filme: O Mágico de Oz.
Influências: Jesus Cristo, Nelson Mandela, Steve Jobs, J.K. Rowling, Rhonda Byrne, meus
pais, meus professores, meus amigos.
Uma música: Smile, Nat King Cole.
Um dia especial: Família, amigos, boa comida e boas risadas.
Hobbies: Pintura a óleo, leitura, degustação de vinhos, cozinhar.
Um desejo: Me surpreender positivamente com o que fui capaz de alcançar com minhas
obras. Ver que meus projetos e minhas obras foram capazes de tocar o coração das
pessoas.
Uma frase: “Seja forte e corajoso. Faça teu trabalho e não tenha medo nem desanime,
pois Deus está com você. Ele não o deixará nem o abandonará até que se termine toda
a construção de sua obra...”
I Crônicas 28.20

Onde comprar o primeiro volume da trilogia "Johnny Bleas": 



Então, pessoal, gostaram da entrevista? Logo, logo teremos outras. Aguardem!! 
Até a próxima o/

17 comentários:

  1. Gente, já vou dar uma olhada no livro. Adorei a premissa e capa <3

    Blog.
    Facebook.

    ResponderExcluir
  2. Nossa, que capas maravilhosas! Dá vontade de ter na estante.
    Quem nasceu para ser criativo encontra diversos meios de se expressar.
    Adorei saber das múltiplas inspirações do autor.
    Abraços!
    Gatita&Cia.

    ResponderExcluir
  3. Oii,

    Amei o bate-papo... :}

    Abraços...

    https://blogmichaelvasconcelos.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  4. Muito bacana a entrevista!
    E a capa desse livro ta muito diva <3

    Beijinhos :*
    Sankas Books

    ResponderExcluir
  5. Gente, eu quero esse livro!!!
    Amei a entrevista
    Beijos
    Balaio de Babados

    ResponderExcluir
  6. Fiquei bem curiosa pelo livro dele. Adoro bate-papos com autores. *_*

    Beijos,
    Postando Trechos

    ResponderExcluir
  7. Oi,

    Faz tempo que eu quero ler esse livro, só li resenhas positivas e tenho ficado ainda mais curiosa. Adorei conhecer um pouco mais do autor.
    Beijos!

    Cintia
    http://devaneiosdeumacindy.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  8. Eu ainda não havia lido o livro, agora tô me sentindo totalmente por fora! :/
    Depois de ler entrevistas com os autores parece que ficamos mais carente da leitura, né?! Ah, preciso muito ler! Adorei, de verdade.

    beeeijo.
    www.leitorasvorazes.com.br

    ResponderExcluir
  9. Oii, adoro bate-papos com autores, é muito bom pra conhecermos mais sobre eles <3

    Beijos,
    Natália

    www.doprefacioaoepilogo.blogspot.com

    ResponderExcluir
  10. Bela entrevista! Gostei bastante de conhecer mais esse autor.
    Boa semana.

    http://jj-jovemjornalista.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  11. Olá,
    Ótima entrevista, gostei das influências do autor.
    Gostei da proposta do livro. Sucesso.

    tenha uma ótima quarta!
    Nana - Obsession Valley

    ResponderExcluir
  12. Eu não conhecia o autor, achei bem interessante os livros dele a capa do primeiro volume me conquistou!!
    www.byanak.com.br

    ResponderExcluir
  13. Oi!
    Adorei o bate papo, o livro parece ser legal, adorei a capa do segundo.
    Abraço!
    http://leituraforadeserie.blogspot.com/

    ResponderExcluir
  14. Oiieee tudo bom?

    Não conhecia o autor e nem o livro, infelizmente é muito dificil livros de autores brasileiros serem publicados por aqui, apenas a Paula Pimenta e a Carina Rissi atualmente ganharam um espaço no mercado editorial daqui, e obviamente o mito Mr. Paulo Coelho.
    Achei as capas da trilogia maravilhosas, amei a premissa da história e o autor parece ser simplesmente uma simpatia.

    Parabéns pela entrevista

    Beijos

    naprateleiradealice.blogspot.com.ar

    ResponderExcluir
  15. Oi :D
    Adorei conhecer mais do autor
    Vi quando divulgou a capa do segundo livro e amei!!!
    Bj


    IG: @saymybook
    www.saymybook.blogspot.com

    ResponderExcluir
  16. Oie, oie, oie !!!
    Fiquei super feliz com esse novo projeto do Tudo Online, adoro quando os blogueiros realizam entrevistas com autores, isso faz com que os leitores se aproximem dos autores e até possam descobrir novos autores !!!
    Adorei conhecer um pouquinho mais sobre o João Gabriel, é muito interessante conhecer as peculiaridades de cada autor. E geeeeente, a capa do segundo livro é tão linda e maravilhosa quanto a do primeiro !!! Fiquei aqui babando nessa capa !!! *-*

    Beijinhos
    Hear the Bells

    ResponderExcluir