Postagens Recentes

7 de junho de 2017

Resenha | Ácido & Doce: A Rosa Fatal - Raphael Miguel

Título:  Ácido & Doce: a rosa fatal #1
Autor: Raphael Miguel
Editora: Xeque-Matte
Páginas:  256
Ano: 2017
Avaliação: ★★★ +18 
Comprar: Site  da editora 

*Livro cedido em parceria com a editora
Sinopse: Apesar de desolado com a partida de sua amada amiga Lívia G. para tentar realizar o sonho de se tornar uma modelo internacional na França, Alejandro Vidal Braga seguiu em frente e tornou-se um rapaz ambicioso, totalmente movido pela ganância, embora dono de uma personalidade dúbia que o deixa em xeque. Mas, o retorno de assuntos do passado promete fazer com que Alejandro tenha que adotar novas posturas de atitude e comportamento ao ponto de tornar-se irreconhecível aos olhos dos próprios pais em busca de aceitação e identidade própria.
Eveline é uma jovem bonita, charmosa e atraente que guarda muitos segredos de um passado nebuloso e sombrio. Ainda que seus motivos sejam desconhecidos, a garota misteriosa parece estar determinada a terminar de destilar seu plano de vingança contra o homem que lhe fez sofrer. Eveline tem contas para acertar e ninguém poderá ficar em seu caminho.
Acompanhe a trama de ÁCIDO & DOCE sob a ótica de dois personagens e prepare o coração para se impressionar do início ao fim com um enredo inovador repleto de reviravoltas, subtramas, conspirações, encontros e desencontros. Com pitadas de suspense, erotismo, drama, mistério e intrigas, ÁCIDO & DOCE é um romance urbano diferente, sensual, eclético e frenético que promete muitas surpresas. Experimente diversas sensações que irão do ácido ao doce em cada página.
  

Em Ácido & Doce: A Rosa Fatal, vamos conhecer Alejandro, um rapaz de 25 anos, bonito, vistoso, que mora com o pai português e a mãe argentina. Alejandro considera-se um homem de sucesso: trabalha em uma grande companhia de seguros, a Munhoz Corretora de Seguros, e sente-se bastante realizado por ser um homem de prestigio e de vasto conhecimento. 

Apesar de toda satisfação, o rapaz nunca esqueceu o amor que nutria na adolescência pela sua amiga Lívia, que foi para França seguir carreira de modelo internacional. Contudo, a chegada de seu amigo de adolescência, o famoso astro do rock Robert Fire, promete dar uma balançada na vida regrada e rotineira de Alejandro.


Paralelamente, somos apresentados a Eveline, uma mulher extremamente ousada, sensual e determinada que acabara de retornar à cidade. Misteriosa, a volta da moça tem um único motivo: por em prática uma vingança pessoal contra seu tio que, no passado, lhe fez muito mal.

Narrado em primeira pessoa, ora por Alejandro, ora por Eveline, o livro é uma trama densa, surpreendente e carregada de erotismo. A obra começa morna, sem grandes emoções, mas vai ganhando ritmo à medida que novos personagens e acontecimentos vão surgindo. Um história que vai do ácido ao doce o tempo todo.


As personagens são bem construídas e de muita personalidade. Alejandro foi um personagem que passou boa parte do livro se enaltecendo, dizendo o tempo todo que venceu na vida. Gabando-se pelo emprego e pelo salário que recebe, beirou a chatice em vários momentos. Em contrapartida, foi com a chegada de Eveline, a loira platinada fatal, que a história passou a ser mais instigante e interessante. Eve é uma mulher irresistível que tem desejo por seduzir e usa toda sua sensualidade para conseguir o que quer. É uma personagem tão bem construída que roubou todo o protagonismo da história para si. Mesmo não concordando com algumas de suas atitudes, com sua conduta, o leitor fica vidrado nos capítulos em que ela aparece. Apesar disso, achei uma atitude dela no livro bem inverossímil.
- Devora-me. - me intimidou.
- Agora mesmo. - assenti enquanto a agarrava ainda mais forte.
Os capítulos são curtos e bem divididos entre as personagens que narram. A obra possui muitas cenas com sexo explícito, palavrões e uso de drogas. Por isso, não é uma leitura recomendada para menores de idade e leitores que não simpatizam com esse tipo de história.

Em suma,  Ácido & Doce: A Rosa Fatal é uma história muito bem escrita pelo Raphael Miguel e apresenta-se como uma ótima opção para leitores que desejam conhecer livros nacionais. Além disso, é uma obra de fácil leitura que mescla mistério, drama e muitas cenas picantes. O leitor se delicia, a cada página, com a mistura ácida e doce que o livro apresenta. 

18 comentários:

  1. Oi, Sávio. Não conhecia a obra mas fiquei completamente apaixonada por essa capa, e pelo enredo, que parece ser maravilhoso! Adoro obras cheias de intrigas e reviravoltas, já vou anotar aqui para ler depois.
    Beijo!
    https://leitoraencantada.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  2. Oi, Sávio!
    Desde que você anunciou a obra aqui fiquei super interessada na leitura. Adorei essa capa e a diagramação dentro está maravilhosa.
    Beijos
    Balaio de Babados
    Sorteio Dois Anos de Família Hallinson
    Sorteio Três Anos do blog A Colecionadora de Histórias

    ResponderExcluir
  3. Oi
    vi o autor divulgar bastante esse livro no facebook, que bom que a história vai ganhando ritmo no decorrer da leitura e que ele foi bem escrito.

    momentocrivelli.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  4. Oi Sávio! Eu não conhecia a obra, mas ela tem todos os elementos que eu gosto numa trama! Já anotei na minha lista de leituras!

    Bjs, Mi

    O que tem na nossa estante

    ResponderExcluir
  5. Oi Sávio,
    Que capa maravilhosa, hein?
    Gostei do ritmo de leitura, capítulos alternados, curtos... Geralmente, eu leio rápido quando é assim. Foi para a listinha de desejados!
    Beijos
    https://estante-da-ale.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  6. Olá Sávio!
    A capa é bem chamativa, gostei.
    A história demonstra ser bem legal pela resenha, que por sinal está muito bem feita,
    mas não sei se faz o meu estilo de leitura rsrs
    Te espero no meu blog!
    Beijos *_*
    Desvendando Segredos | Facebook

    ResponderExcluir
  7. Oi Sávio,
    Que proposta interessante! E que capa linda.
    Fui lendo sua resenha, bolando umas teorias e realmente parece ser uma leitura bem rápida. Fiquei curiosa e espero ler em breve.

    tenha um ótimo domingo.
    Nana - Canto Cultzíneo

    ResponderExcluir
  8. Que capa linda!Já ouvi falar do autor, só não me recordo onde porque a minha memória é péssima.Eu gosto muito de livros narrados em primeira pessoa, e quando essa narração é dividida com dois personagens eu acho que envolve mais ainda o leitor. Gostei! Ah eu quero ler também.
    Bjs

    ResponderExcluir
  9. Oi, Sávio!
    Já vi esse livro no Instagram, mas não cheguei a ler sobre a obra.
    Gostei da sua resenha e fiquei querendo ler. Pelo que escreveu acredito que seria uma leitura agradável para mim.
    Beijos,
    Keth.
    Blog: www.parbataibooks.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  10. Nao conhecia a obra e nem o escritor ainda, foi muito bom conhecer.
    A resenha me despertou interesse em ler a obra completa, nao sou muito fã de drama, mas confesso que essa me chamou atenção.
    obrigada por apresentar-me a uma estupenda obra.

    ResponderExcluir
  11. Oiii! Nossa, nunca tinha escutado sobre esse livro, mas você me deixou mega curiosa. Ainda mais essa capa bafo e o enredo com segredos.
    Ai, e amei as fotos! Parabéns.

    https://almde50tons.wordpress.com

    ResponderExcluir
  12. Olá! Não conheço o livro e nem o autor. Achei a capa muito bonita e chamativa. A história me pareceu ser muito boa também! Gostei.
    Beijos e boa sorte!
    www.brincandodeolivia.com

    ResponderExcluir
  13. Parece ser uma história interessante. O fato dos personagens serem bem construídos me deixa curiosa para ler.
    Beijos
    Mari
    www.pequenosretalhos.com

    ResponderExcluir
  14. Oi Sávio, tudo bem?

    Não conhecia a obra, mas como sou uma apaixonada pelo gênero, a chance de curtir a obra é gigantesca. Eu adoro livros com essa pegada e com personagens marcantes que chegam já roubando a cena. O contexto me parece muito bem construído, assim como os personagens, que são do tipo que você ama ou odeia. Dica anotada!

    Beijos!

    ResponderExcluir
  15. Salve, Sávio! Como vai? Cara, já tinha lido sobre esse livro em um grupo de blogs mais ainda não conhecia a história. Gostei muito da proposta, principalmente da parte em que a história, segundo o que eu entendi, joga na questão da marginalidade, como o uso de drogas e a violência por exemplo. Gosto de histórias que me tirem a paz de espírito, haha.

    Valeu pela indicação; abraço!

    ResponderExcluir
  16. Oi. achei a premissa desse livro muito instigante, a gente fica muito curioso para saber mais sobre essa história, o que aconteceu com os personagens...Gostei! E essa capa e a edição estão lindas!

    ResponderExcluir
  17. Olá!
    Gostei muito da capa, não conhecia o livro, mas gosto de capítulos curtinhos e leitura rápida. Obrigada pela dica!
    Beijos
    https://aventureirasliterarias.wordpress.com/

    ResponderExcluir
  18. olá,
    Não conhecia este livro, mas me interessei pela história que parece ser muito interessante, principalmente pelo enredo inovador que você citou.
    Parabéns pela resenha.
    Abraços.

    ResponderExcluir